17200929_606590922871168_6183905438280151539_n (1)

CONHEÇA O TACACÁ, UMA DELICIA DA GASTRONOMIA PARAENSE!!!

17103239_606590979537829_8418407681623261766_nSucesso de público, chega dar agua na boca só em falar, o nosso TACACÁ, uma bebida típica e genuína do Pará, faz parte da cultura dos diversos municípios paraenses, e aqui em Salinópolis, na Amazônia Atlântica não é diferente.
Segundo o antropólogo Luís da Câmara Cascudo (1898-1986) é “derivada de um tipo de sopa indígena denominada mani poi…”. Toma-se o tacacá em cuias naturais, muito quente e com pimenta, sua origem é de tribos indígenas paraenses.

O tacacá não é considerado uma refeição. É uma espécie de bebida ou sopa, servida em cuias e vendida pelas “tacacazeiras”, geralmente ao entardecer, na esquina das principais ruas das cidades paraenses. Na hora de servir são misturados, na cuia, tucupi, goma de tapioca cozida, jambu e camarão seco. Pimenta-de-cheiro a gosto.

O JAMBU, planta rasteira, companheira inseparável do tucupi na preparação dos pratos paraenses, sobretudo do tacacá e do pato. Suas folhas, quando mastigadas, produzem leve tremor nos lábios e, talvez por isso, muitos o apontem como afrodisíaco. Antes de ser acrescentado nos diversos pratos em que é usado, deve ser ligeiramente aferventado em água com pouco sal.

O TUCUPI, é um sumo venenoso extraído da raiz da mandioca”; que “cozido perde o veneno e então é servido como tempero de vários guisados e bebidas”.

DICAS: Em salinas, existem diversos pontos que comercializam o tacacá, com destaque para a D. Aguida, ao lado da antiga Telepará e também na ponta da agulha , atualmente em frente ao monumento da padroeira de salinas e na praça de alimentação da orla do maçarico.

Então agora só resta degustar e se apaixonar, vale lembrar o ditado que diz:
“quem foi ao Pará, parou, tomou tacacá, ficou”.

Fotos: Jean Barbosa

Sobre o Autor

Foto de perfil de admin

By admin / Administrator, bbp_keymaster

Follow admin
on jun 27, 2017

Sem comentários

Escreva um comentário